[PT] Chile: Comunicado 78 de ITS: Noite de Delinquência

Traducción al portugués del comunicado 78 de ITS.

ITS é fogo e pólvora, artefatos incendiários e bombas com niples, mas também é criminalidade e aproveitamento.

Em 29 de Março no Chile não foi diferente com os parças cúmplices nas terras do sul. Longe das comemorações e atos revolucionários assumimos a responsabilidade na participação dos distúrbios correspondentes ao “Dia do Jovem Delinquente” (perdão, combatente) neste ano de 2019. De maneira completamente anônima e espalhados por diferentes municípios da grande Santiago aparecemos com nossas armas, ajudados pela noite e em meio à massa criminal reunida contribuímos com os enfrentamentos, vandalismos da qual temos sido participantes há anos e que hoje, por questões meramente estratégicas, tornamos público.

Esta data nos enche de alegria assim como os protestos caóticos em 11 de Setembro. Vemos nestas comemorações históricas a oportunidade perfeita para gerar um pouco de anarquia. Nós não saímos para comemorar nem nada, não nos importa o fato pelo qual se geram os enfrentamentos nestas noites. Nos distanciamos das motivações políticas que alguns esquerdistas querem dar a estas noites de pura delinquência. Não se enganem, não nos interessa comemorar as mortes dos irmãos Vergara nem saudar qualquer outra bandeira de luta além da nossa.

Precedidos na véspera pela paranoia imposta por delinquentes que fizeram ressoar suas armas na capital, aproveitamos a oportunidade para desatar nossos instintos amorais em distintos lugares da asquerosa cidade, provocando a desordem e apertando o gatilho quantas vezes fosse possível, esperando que a bala atravessasse o crânio de qualquer pessoa, podendo ser algum bastando, um espectador curioso ou mero jornalista, qualquer humano pode ser nosso objetivo.

Assim, no meio dos porra louca e delinquentes, de encapuzados anarquistas e revolucionários, entre arruaceiros e os contenção, no meio do povo estava nós, os fantasmas de ITS, os terroristas mais buscados no Chile.

Camuflados entre a multidão conseguimos agir livremente, em nossos corpos carregávamos armas. O momento foi a melhor opção que tivemos para disparar nossas armas, disparamos contra a polícia, sem nos importarmos com o trajeto da bala, podendo ferir algum civil. As armas de fogo foram complementadas por garrafas com benzina e por punhais, para se acaso surgisse algum problema.

A mídia se alegra afirmando que ano após ano esta data junto com o 11 de Setembro tem sido cada vez menos violenta, mas para nós que estamos imersos em meio a tudo isso sabemos que não é bem assim, embora haja acontecimentos menos espetaculares, a violência delinquencial está mais presente e viva do que nunca, e nós os membros de ITS somos parte dela com muita honra.

Não nos escondemos após esta data, para nada, isso ITS deixou claro atacando quando menos esperam. Isso é um aviso, a máfia se estende e o fogo e as balas darão lugar à pólvora e os fragmentos. Poderia ser qualquer dia, não se esqueçam que seguimos nas sombras em tocaia contra novos alvos e a única coisa que mudou é que a cada dia somos mais fortes.

Ânimo, delinquência!

Individualistas Tendendo ao Selvagem – Chile

– Sulistas Incivilizados

– Bando Inquisidor Vingativo

– Horda Mística do Bosque

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.